| IGGY POP | 64 anos do mais puro rock!

O rock não se mede pela idade

James Newell Osterberg Jr. nasceu a 21 de Abril de 1947. Está de parabéns e de boa saúde como ainda há poucas semanas foi notório na actuação do músico em directo num programa da televisão americana. Em Julho, o eterno puto rebelde do punk rock está de volta a Portugal para actuar no Festival Alive, ao lado da sua banda, os Stooges.

James Oesterberg é um dos mais influentes catalisadores da história do punk rock. Por causa da sua primeira banda, em que foi baterista ainda na escola secundária, os The Iguanas, passou a ser conhecido como “Iggy”. Uma alcunha que ficou e perdura no tempo. A origem do acrescento de “Pop” ao alter-ego não está muito bem esclarecido. Farto da universidade, desistiu e trocou o Michigan por Chicago, em busca do blues. Inspirado por bandas como os The Sonics e os MC5, formou os Psychadelic Stooges com os irmãos Ron (guitarra)e Scott (bateria) Ashton, e ainda Dave Alexander (baixo).

Elasticidade punk

Um concerto dos The Doors, em 1967, e a performance louca de Jim Morrison inspirou Iggy a explorar as fronteiras éticas do palco. E homem tornou-se um verdadeiro animal de palco. Dizem alguns relatos históricos que Iggy Pop foi o primeiro a mergulhar do palco para cima do público, o popular “stage diving”. O primeiro álbum, homónimo dos The Stooges, saiu em 1969. Seguiram-se “Fun House” (1970); “Raw power” (1973); e, mais recentemente, “The Weirdness” (2007). Pelo meio, o vício das drogas conduziu à suspensão dos Stooges em 74 e ao lançamento de Iggy numa carreira a solo, na qual soma cerca de 15 álbuns de originais e sucessos como “Wild child” ou “Candy”, um género de balada pop cantada ao lado de Kate Piersen, dos B-52’s. Há ainda rumores sobre a edição de um novo álbum a solo ainda este ano, cujo título seria “The angle of the dangle”, expressão que aconselhamos a ser pesquisada na Internet.

Em Julho há mais em Lisboa

Mais de 40 anos depois de se ter subido pela primeira vez a um palco, Iggy Pop continua a apresentar-se como um louco diante de milhares de pessoas, indiferente à condição de sexagenário e a revelar uma frescura física de fazer inveja a muitos com idade para serem filhos ou até netos deste ícone do punk.

Esta entrada foi publicada em Música com as etiquetas , , . ligação permanente.

2 respostas a | IGGY POP | 64 anos do mais puro rock!

  1. Bruno Caldas diz:

    Boas Frank!!!! Cometi um assédio.Publiquei no meu mural Facebook este teu blog, por tê-lo compreendido de uma forma muito natural e liberta de direitos de autor.Naturalmente, o blog tem o seu autor mas como se trata de informação tomei a liberdade de o partilhar com outras pessoas para além daquelas que já o visitaram

    • Sem problema Bruno. Desde que mantenhas a identificação do autor, não vejo qualquer problema. Antes pelo contrário. Mais pessoas houvessem que o partilhassem pelos seus contactos. Seria muito bom sinal.

      Abraço,

      FrM

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s