It’s Beastie “motherfucker” Boys… novo vídeo!

25 anos depois, a festa continua

Estão de volta e para revisitar ao melhor estilo um dos mais divertidos e excitantes vídeoclips dos anos oitenta. “We got to fight for your right (to party)” faz 25 anos e a data é assinalada com a sequela do teledisco. Com mais de 20 minutos e a participação de uma mão cheia de actores bem conhecidos. E isto para marcar também o regresso aos discos dos “miúdos” após Adam “MCA” Yauch vencer por “noc-out” um tumor nas glândulas salivares.

Os Beastie Boys revelaram há poucas horas o trailer do vídeo, ao género de curta-metragem, de “Fight for your right – Revisited”. O filme, com pouco mais de 20 minutos, foi apresentado recentemente no festival de Sundance e está previsto ser lançado ao mesmo tempo que o oitavo disco de originais do grupo, “Hot Sauce Committee pt. 2”, cuja data de edição é 23 de Maio.

O vídeo assinala os 25 anos do lançamento do single original de “(You gotta) Fight for your right (to party)”, tema que apresentou em 1986 o primeiro álbum do grupo, “Licensed to ill”, e que contou, entre outros, com o guitarrista dos Slayer, Kerry King, no solo de guitarra. Mas este novo filme pretende também marcar a edição do novo disco. O que, só com o trailer, já consegue.

O argumento de “Fight for your right – Revisited” representa a sequela do mítico vídeo do tema de há 25 anos, com a banda a deixar a casa onde havia feito uma enorme festa e a música ainda a ouvir-se de fundo. Depois é uma paródia, com a participação de vários actores bem conhecidos como Elijah Wood (“Senhor dos Anéis”), Jack Black (“Escola de Rock”), Will Farrel (“Fura casamentos”) ou Seth Rogan (“Knocked up”) a assumirem o papel da própria banda. Aliás, das duas encarnações da banda. É que a certa altura vai haver um despique entre os Beastie mais novos e os Beastie mais velhos ao estilo de reencontro no filme “Regresso ao Futuro”. Há até a aparição do carro desse filme, um Delorean. E depois há ainda as curiosas passagens pela frente das câmaras de figurinos tão especiais quanto Orlando Bloom, Susan Sarandon. Kirsten Dunst ou Ted Danson.

O vídeo original

Ao longo do novo filme ouvem-se excertos das músicas do novo álbum do grupo, cujo primeiro single já é conhecido e pode ser escutado no fim deste parágrafo. “Fight for your right – Revisited” é realizado por Adam Yauch, membro do grupo e responsável por alguns dos videoclips mais emblemáticos do projecto como “Intergalactic”. O rapper, baixista, realizador e fundador dos Beastie Boys acaba de derrotar um cancro nas glândulas salivares e, junto com os outros “miúdos”, agora uns senhores, está de volta em grande forma. E os Beastie regressam mais funkys que nunca.

O novo single: “Make some noise”

Os "boys" fizeram-se homens

A história
Os Beastie Boys “nasceram” há mais de 30 anos. Começaram como um quarteto de hard-core punk, mas o sucesso do tema “Cooky puss” levou-os a mudar de “chip”. O rap passou a estar presente por volta de 1982 e a banda decidiu contratar um DJ para os espectáculos. A escolha recaiu num estudante de nome Rick Rubin, hoje uma das mais influentes personagens do mundo da música. Os “boys” passaram também a assumir alter-egos: Mike D (Michael Diamond, baterista); MCA (Adam Yauch, baixista); e AdRock (Adam Horowitz, guitarrista).

Em 1986, depois de alguns lançamentos prévios de músicas soltas, os Beastie Boys estrearam-se nos álbuns com “Licensed to ill”, o primeiro disco de rap a chegar a número 1 na tabela da BillBoard. “Fight for your right” foi o primeiro single e o respectivo vídeo, realizada por Rick Menello, tornou-se quase um símbolo da então emergente MTV. A música porém, não ficou nas boas graças do grupo. A intenção era criticar a tendência dos jovens para se deixarem levar pela agressividade e destruição em nome do divertimento. Mas, em vez disso, tornou-se exactamente no contrário: um convite às festas com excessos. A banda deixou de tocar a música ao vivo em 1987.

Os Beastie levam sete álbuns editados e em Maio lançam o oitavo. “Hot Sauce Committee pt.2” está previsto para 23 de Maio e o primeiro single teve de ser revelado antes do tempo por ter surgido à socapa na internet. A banda estreou-se em Portugal apenas em 2007. Contratada para actuar no festival Alive, o trio acedeu a dar um concerto no dia seguinte também na Aula Magna, em Lisboa. Anunciou que o segundo espectáculo seria totalmente instrumental e para apresentar na íntegra o álbum “The Mix-Up”, lançado naquele ano. Mas foram mais longe que isso e há até quem diga que foi bem melhor do que o que fizeram no dia anterior. Actualmente não há notícias de uma nova digressão, embora o grupo mantenha esses planos em aberto, mas dependentes da recuperação total de Yauch.

Os Beastie Boys no Alive’07

Os Beastie Boys na Aula Magna

Site oficial
Leitor áudio com alguns dos melhores temas do grupo

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Música com as etiquetas . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s