Portugueses bafejados na Champions

Benfica e Sporting de Braga evitam para já os grandes tubarões do futebol europeu na fase de grupos da Liga dos Campeões. Entre os cabeças de série, calhou às águias o Lyon e aos arsenalistas o… Arsenal

Benfica e Sporting de Braga são os representantes do futebol português na Liga dos Campeões 2010/11

As equipas portuguesas foram bafejadas pela sorte e tiveram um sorteio favorável no plano desportivo, embora pouco interessante no económico. Pelo menos para o Sporting de Braga.

O Benfica terá de medir forças com os similares Lyon e Schalke 04 mais o modesto Hapoel Tel Aviv. Domingos Paciência tinha desejado defrontar na fase de grupos, se possível, Real Madrid e Manchester United. Não aconteceu. Foi sorteado o duelo com o “irmão” inglês Arsenal, o grande favorito no grupo H, e depois terá de discutir com os ucranianos do Shakhtar Donetsk e os sérvios do Partizan de Belgrado a passagem aos oitavos de final da prova. E com isso alargar os quase 12 milhões já garantidos só pela presença nesta fase da prova. A bilheteira bracarense, dificilmente, será recompensadora face ao esperado preço elevado dos bilhetes e, excepção aos ingleses, o cartel dos adversários.

O Sporting de Braga foi fundado a 19 de Janeiro de 1921 e começou por equipar uma camisola de largas listas verdes e brancas, embora nada tivesse de relação com o Sporting, de Lisboa. Por influência, curiosamente, do Arsenal, de Londres, o treinador José Szabo sugeriu a mudanças das cores da camisola para o que hoje se conhece e daí nasceu também a alcunha de “arsenalistas”. Pela primeira vez, os “arsenais” vão defrontar-se.

ARSENAL
Fundado em 1886
Estádio Emirates (60 mil espectadores)
Treinador: Arsène Wenger
Principais estrelas: Cesc Fábregas, Andrei Arshavin e Robbie van Persie
Palmarés: 13 vezes campeão de Inglaterra; 10 Taças de Inglaterra; 1 Taça das Taças; e 1 Taça UEFA.

Terminou o último campeonato inglês na terceira posição e foi eliminado da última Liga dos Campeões pelo Barcelona nos quartos de final, depois de eliminar o FC Porto nos oitavos. Foi considerado pela revista Forbes como o terceiro clube mais valioso do Mundo em 2010, com um valor de 933 milhões de euros.

SHAKHTAR DONETSK
Fundado a 24 de Maio de 1936
Estádio Donbass Arena (51 mil espectadores)
Treinador: Mircea Lucescu
Principais estrelas: Fernandinho, Willian, Eduardo da Silva e Chygrynskiy
Palmarés: 2 Taças da URSS; 1 SuperTaça soviética; 5 Ligas Ucrânia; 6 Taças da Ucrânia; 3 SuperTaças da Ucrânia; 1 Taça UEFA.

Campeão ucraniano na última temporada, foi afastado pelo Timisoara na terceira pré-eliminatória da Liga dos Campeões e pelo Fulham nos 32 avos de final da Liga Europa. Contratou, curiosamente, o internacional croata, de origem brasileira, Eduardo da Silva ao Arsenal por 7,2 milhões de euros, além dos 15 milhões de euros gastos no repatriamento do central Chygrynskiy, que falhou em Barcelona.

PARTIZAN BELGRADO
Fundado a 4 de Outubro de 1945
Estádio FK Partizan (32,7 mil espectadores)
Treinador: Aleksandar Stanojevic
Principais estrelas: Almani Moreira e Radosav Petrovic
Palmarés: 11 títulos da Jugoslávia; 8 títulos da Sérvia e Montenegro; 3 títulos da Sérvia; 5 Taças da Jugoslávia; 4 Taças da Sérvia e Montenegro; 2 Taças da Sérvia; 1 Taça Mitropa (Europa central)

É o actual campeão sérvio e na última Liga dos Campeões foi afastado pelo APOEL na terceira pré-eliminatória, sendo posteriormente também afastado da Liga europa após a fase de grupos ao ficar em último no grupo vencido, curiosamente, pelo Shakthar Donetsk.

FERNANDO COUTO, director desportivo do Sp. Braga
“Todos os integrantes do grupo são grandes equipas e qualquer agrupamento é difícil. Temos um grupo equilibrado e temos grandes oportunidades de seguir em frente na prova. Queremos dar continuidade ao trabalho que se tem feito até agora e por isso desejamos seguir em frente.”

1ª jornada (15 de Setembro)
Arsenal-Sp. Braga
Shakhtar Donetsk-Partizan

2ª jornada (28 de Setembro)
Partizan-Arsenal
Sp. Braga-Shakhtar Donetsk

3ª jornada (19 de Outubro)
Sp. Braga-Partizan
Arsenal-Shakhtar Donetsk

4ª jornada (3 de Novembro)
Partizan-Sp. Braga
Shakhtar Donetsk-Arsenal

5ª jornada (23 de Novembro)
Sp. Braga-Arsenal
Partizan-Shakhtar Donetsk

6ª jornada (8 de Dezembro)
Arsenal-Partizan
Shakhtar Donetsk-Sp. Braga

Sonho de Jesus passa por Israel

O Benfica tem, à partida, uma qualificação mais fácil, se é que se pode falar de facilidades na Liga dos Campeões. O cabeça de cartaz do grupo B é o Olympique de Lyon, de Lisandro e Cissokho, que esta época já visitou Portugal e perdeu (0-2) no jogo de apresentação do Sporting. Depois existem ainda os alemães do Schalke 04, esta época reforçados pelo veterano espanhol Raúl, ex-Real Madrid, e a incógnita israelita do Hapoel de Tel Aviv. Os campeões nacionais, se jogaram o mesmo da última época, não terão problemas de passar aos oitavos de final no primeiro lugar do grupo.

OLIMPIQUE DE LYON
Fundado em 1899, mas só oficializado em 1950
Estádio de Gerland (40,5 mil espectadores)
Treinador: Claude Puel
Principais estrelas: Lisandro López, Toulalan e Gourcuff
Palmarés: 7 títulos de França; 4 Taças de França; 1 Taça da Liga de França; 7 SuperTaças de França; 1 Taça Intertoto.

Terminou a última temporada na segunda posição da Liga gaulesa e conseguiu o feito de disputar pela primeira vez as meias finais da Liga dos Campeões, onde foi eliminado pelo Bayern de Munique, depois de nas três edições anteriores ter alcançado os quartos de final, o que atesta a larga experiência europeia do clube mais valioso de França e o 13.º do Mundo, segundo a Forbes, capaz de gerar receitas anuais na ordem dos 140 milhões de euros. A derrota em Alvalade, na pré-época, foi a feijões. O Benfica deve ter em conta o Lyon como o principal rival no grupo.

SCHALKE 04
Fundado a 4 Maio de 1904
Estádio Gelsenkirchen (61,6 mil espectadores)
Treinador: Felix Magath
Principais estrelas: Raúl, Farfán, Metzelder, Manuel Neuer e Jermaine Jones
Palmarés: 8 títulos da antiga Alemanha; 4 Taças da Federação alemã; 1 Taça da Liga alemã; 1 Taça UEFA; 2 Taças Intertoto;

Terminou a última Bundesliga como vice-campeão, a cinco pontos do primeiro, o Bayern Munique. E isto numa época em que ficou fora das provas europeias devido ao oitavo lugar na época anterior. O Schalke 04, ainda assim, aposta forte esta época. O 11.º clube mais valioso do Mundo, segundo a Forbes, resgatou Raúl ao Real Madrid e também “pescou” nos merengues o central alemão Metzelder.

HAPOEL TEL AVIV
Fundado em 1927
Estádio Bloomfield (17,5 mil espectadores)
Treinador: Eli Guttman
Principais estrelas: Ben Sahar, Douglas e Enyeama
Palmarés: 9 títulos de Israel; 13 Taças de Israel, 1 Taça Toto (3.ª competição mais importante de Israel); 1 Taça dos campeonato asiático

É o actual campeão israelita, numa época em que conseguiu a dobradinha. Na Liga Eeuropa, entrou na fase de grupos e venceu o respectivo agrupamento, sendo posteriormente eliminado pelos russos do Rubin Kazan nos 32 avos de final. É o mais modesto de todos os adversários de clubes portugueses esta época na fase de grupos da Champions.

RUI COSTA, director desportivo do Benfica
“É um grupo de extrema dificuldade, apesar de não ter nomes que possam assustar. Temos plenas possibilidades de passar neste grupo. Não temos uma meta estipulada na Champions, mas há o objetivo de passar a fase de grupos. Todos sonham com o top, mas não vamos alinhar por metas, mas sim por etapas. Agora a etapa é passar a fase de grupos.”

1ª jornada (14 de Setembro):
Benfica-Hapoel
Lyon-Schalke

2ª jornada (29 de Setembro)
Schalke-Benfica
Hapoel-Lyon

3ª jornada (20 de Outubro)
Lyon-Benfica
Schalke-Hapoel

4ª jornada (2 de Novembro)
Benfica-Lyon
Hapoel-Schalke

5ª jornada (24 de Novembro)
Hapoel-Benfica
Schalke-Lyon

6ª jornada (7 de Dezembro)
Benfica-Schalke
Lyon-Hapoel

————————————–
GRUPO A
Inter de Milão
Werder Bremen (Hugo Almeida)
Tottenham
Twente

GRUPO B
Ol. Lyon
BENFICA
Schalke 04
Hapoel Tel Aviv

GRUPO C
Manchester United (Nani e Bebé)
Valência (Miguel, Manuel Fernandes e Ricardo Costa)
Glasgow Rangers
Bursaspor

GRUPO D
Barcelona
Panathinaikos (Daniel Fernandes e Carlos Freitas)
FC Copenhaga
Rubin Kazan

GRUPO E
Bayern Munique
AS Roma
Basileia
CFR Cluj (Nuno Claro, Tony, Cadú, Dani e Nuno Diogo)

GRUPO F
Chelsea (Hilário, Bosingwa, Paulo Ferreira)
Marselha
Sp. Moscovo
Zilina

GRUPO G
AC Milan
Real Madrid (Mourinho, Pepe, Ronaldo e Ricardo Carvalho)
Ajax
Auxerre

GRUPO H
Arsenal
Sh. Donetsk
SP. BRAGA
Partizan Belgrado (Moreira)

Esta entrada foi publicada em Desporto, Mundo, Portugal com as etiquetas , , , , , , , , . ligação permanente.

Uma resposta a Portugueses bafejados na Champions

  1. Ivo Barbeitos da Costa diz:

    Excelente trabalho ;o)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s